O que ainda não temos no Brasil

O cenário do kart no Brasil possui boa diversidade de categorias, pistas e campeonatos. Mas o que ainda nos falta?

RENTAL 2 TEMPOS

Apesar de não ser muito comum, alguns kartódromos fora do país oferencem opções de kart rental com motor Rotax Max de 2 tempos. É um rental mais rápido e com uma dinâmica diferentes dos demais, já que este tipo de motor não tem tanto torque quando os Honda GX390. A potência é seu grande diferencial, chegando a aproximadamente 30hp.

Uma das competições de rental kart 2 tempos mais famosas da Europa é o Club 100. Os karts não possuem um “borrachão” muito grande, sendo a proteção feita com peças plásticas de carenagem mais robustas.

Esses karts utilizam um motores TKM BT82 115cc limitado a 18hps, sem embreagem, características que os aproximam dos karts profissionais.

MOTORES 2 TEMPOS A AR

Apesar de o uso dos karts 2 tempos refrigerados a água já ser muito popular, ainda existem categorias de baixo custo, focada em pilotos que buscam uma categoria competitiva a gastando pouco. Na Inglaterra, a Fórmula TKM segue esse princípio, com motores 2 tempos refrigerados a ar e que geram aproximadamente 23hp, sem preparação.

Você pode estar pensando “qual a diferença entre usar um motor 2 tempos 23hp e um Honda GX390 da F400 com a mesma potência?” A principal diferença é o peso! Esses motores são mais leves, permitindo que os kart sejam mais rápidos em curvas, em frenagens e acelerações, uma tocada bem diferente.

Nós já falamos anteriormente sobre os motores de 2 tempos (http://www.kartbuzz.com.br/motor-2-tempos/) e os motores de 4 tempos (http://www.kartbuzz.com.br/motores-4-tempos-e-o-futuro-do-kart/).

PISTAS DE TERRA

Imagina como deve ser legal andar com karts na terra, em uma pista bem nivelada, ao mesmo tempo com pouca aderência, na qual pra andar rápido você precisa ser ousado e andar atravessando, igual rally. Se essa descrição ainda não te deu vontade de experimentar o kart na terra, confira esse vídeo:

Siga o Papo de Box no Facebook, comente aqui sobre o artigo.

Fontes:

www.rkc.fr
www.tal-ko.com/
www.club100.co.uk/